Pesquisa
Acesso
Login:
Senha:

Newsletter

Como melhorar o ensino público?
Formação e trabalho docente em foco



Muito se fala em melhorias na educação, principalmente na rede pública. Mas será que os governantes e os pesquisadores já pararam para analisar como funciona a dinâmica do trabalho docente e como ela poderia ser transformada de maneira satisfatória? O educador Wanderson Ferreira Alves buscou respostas para tal questionamento durante seu doutorado e, desse estudo, originou-se a obra O trabalho dos professores: Saberes, valores, atividade, lançamento da Papirus Editora.

"O objetivo do livro é subsidiar o debate sobre a dinâmica do trabalho docente na escola pública. Tal debate vem se fortalecendo nos últimos anos e a obra vem contribuir com ele, trazendo novos elementos para a compreensão da relação entre o professor e seu trabalho, a inteligência laboral, as situações de satisfação e de sofrimento no trabalho", explica o autor.

De acordo com Alves, a importância do livro se dá pelo fato de a escola estar cada vez mais se mostrando uma instituição importante no mundo e no Brasil. Ele cita como exemplo a ampliação da escolaridade obrigatória e as tentativas de serem implantadas escolas de tempo integral em vários países, em especial em território nacional. "Tudo isso exigirá pesquisas sobre a dinâmica do trabalho docente, pois é preciso compreendê-lo melhor se quisermos que qualquer esforço que façamos valha a pena. Ora, se a educação escolar não existe sem o trabalho dos professores, então precisamos compreender melhor esse trabalho. E vale uma observação: é preciso analisá-lo e dar consequências a ele, inclusive fortalecendo os movimentos sindicais e associativos dos trabalhadores", afirma.

O livro divide-se em duas partes: a primeira envolve a discussão da especificidade do trabalho docente e a problemática que a envolve, além de um debate com alguns autores atuais que investigam a temática, momento em que Alves também aborda a base teórica da pesquisa. Na segunda parte, o quadro institucional da escola pesquisada é apresentado e, em seguida, a discussão é verticalizada para a análise do trabalho escolar.

Ao longo do texto, o autor trata da questão das mediações, buscando relacionar a esfera da formação com a esfera do trabalho. "A formação contínua na pesquisa mostrada no livro somente faz sentido em sua articulação com o trabalho docente. Entre essas duas esferas há uma complexa problemática envolvendo a política educacional, a gestão, a organização do trabalho na escola, os saberes dos professores, a saúde, a satisfação e o sofrimento no trabalho. As mediações envolvem a travessia por essa série de questões", conta.

A obra é focada no trabalho realizado por docentes da rede pública. "O livro se volta especificamente para o trabalho docente na escola pública e, dentro dela, aborda o ensino médio. Claro, há aí uma questão política, pois meu interesse maior é a escola pública. Todavia, os demais segmentos da educação básica são igualmente importantes, bem como estudos interessantíssimos poderiam ser realizados em escolas privadas, afinal, a situação de trabalho em algumas dessas escolas parece mesmo problemática e mereceria estudos mais atentos e que, aliás, começam a surgir nos últimos anos", finaliza o autor.

.