Pesquisa
Acesso
Login:
Senha:


SET/2010 - PRÊMIO JABUTI 2010



Capitais migrantes e poderes peregrinos: O caso do Rio de Janeiro
indicado ao prêmio Jabuti 2010



A obra Capitais migrantes e poderes peregrinos: O caso do Rio de Janeiro, de Barbara Freitag, é uma das indicadas ao prêmio Jabuti 2010, na categoria Ciências Humanas.

O livro é o resultado de oito anos de pesquisa sobre formação das cidades no Brasil (registro urbanístico), focalizando a fundação das capitais Salvador, Rio de Janeiro, Brasília e a transferência de cidade de uma capital para outra, incluindo Lisboa. "Essas transferências envolveram pessoas entre força de trabalho (escravos e imigrantes), políticos e estadistas (registro político). Além disso, as mudanças de capitais envolveram a migração de populações inteiras que trouxeram suas línguas, costumes, religiões, comidas, utensílios e livros (registro cultural)", conta Barbara Freitag.

Dividida em nove capítulos, a obra abrange momentos que vão desde os primeiros contatos com a formação das cidades brasileiras (antes da chegada da família real em 1808) até a transferência da capital do país do Rio de Janeiro para Brasília. Os textos buscam resgatar as grandes conquistas do passado, entre as quais vale mencionar a independência política e econômica do Brasil em relação a Portugal e outras nações colonizadoras, e a superação da escravidão, humanizando um regime de trabalho e opressão altamente hierarquizado.


.